Semanal do Oriente #2 - A maior tempestade da NJPW


 Cada vez que Kazuchika Okada vem em uma conversa, apenas podemos nos perguntar uma coisa: "O que podemos dizer sobre esse cara que já não foi dito?". Kazuchika Okada, atual IWGP Heavyweight Champion, tem feito seu nome crescer e crescer dentro da NJPW. Pouco a pouco ele consegue se igualar aos grandes talentos de Ric Flair e Mitsuharu Misawa com seu reino fantástico, seu tremendo carisma e a inesquecível trilogia com Kenny Omega nesse ano de 2017.

 Esse reino que contém mais de 1 ano fez o "Rainmaker" trazer ainda mais valor e honra para o título que ele atualmente segura, e hoje no "Semanal do Oriente" vamos falar nada mais sobre o caminho de Kazuchika Okada para vencer o título, e o seu caminho, que ainda hoje se sucede, para reter esse mesmo título.


 Mas, para falarmos do seu atual reino, temos que falar sobre o que aconteceu antes dele.

 Estaríamos em pleno 2015, dia 5 de Julho, Dominion. Seria nessa edição que Kazuchika Okada venceria o famoso A.J Styles para vencer uma terceira vez a IWGP Heavyweight Championship.

 Logo após o Dominion, Okada seria colocado como participante da 25ª edição do G1 CLIMAX. O mesmo teria muito sucesso, com sete vitórias, um empate e duas derrotas. Uma dessas derrotas seria com seu parceiro da CHAOS, "King Of Strong-Style" Shinsuke Nakamura nas finais do bloco deles. Shinsuke Nakamura, após vencer Kazuchika Okada, se encontraria nas finais da 25ª edição do G1 CLIMAX enfrentando nada mais, nada menos que "The Ace Of The Universe"... Hiroshi Tanahashi. E nessas mesmas finais, Tanahashi conseguia vencer Shinsuke Nakamura, assim vencendo o G1 CLIMAX pela segunda vez em sua carreira e lhe colocando no Main-Event da Wrestle Kingdom 10!

 Até a WrestleKingdom 10, Kazuchika Okada prosseguiu com seu terceiro reino como IWGP Heavyweight Champion, vencendo Genichiro Tenryu (que seria o último combate na carreira do mesmo. O combate entre esses dois fez Okada vencer dois prêmios em nome da Tokyo Sports. Esses sendo o melhor lutador do ano para Okada e o melhor combate do ano que seria ele contra Tenryu).

 Por essa mesma altura, duas GRANDES saídas estavam para vir na NJPW. Essas sendo de A.J Styles e Shinsuke Nakamura. Quando ambos estavam para sair da NJPW, Kazuchika Okada já teria assinado um contrato de 1 ano com a NJPW... Até que Takaaki Kidani (dono da NJPW) oferecer um novo contrato para Okada, devido a essas saídas. O contrato teria uma nova duração de 5 anos com um valor de 200 milhões de ¥.


 Após reter seu título, Kazuchika Okada se confrontaria com o vencedor do G1 CLIMAX, Hiroshi Tanahashi. Ambos já teriam sido o Main-Event na 9ª edição da Wrestle Kingdom... E um ano depois, encontrariam-se mais uma vez mas com os papeis invertidos.

 Na 9ª edição da WrestleKingdom, seria Kazuchika Okada o vencedor do G1 CLIMAX (vencendo a 24ª edição da mesma), e seria Hiroshi Tanahashi o IWGP Heavyweight Champion. Na 9ª edição da Wrestle Kingdom, Kazuchika Okada falharia em vencer Tanahashi pelo título... Mas a raíz dessa rivalidade não vinha disso.

 A mesma rivalidade começaria quando Kazuchika Okada iria se dirigir para a TNA (nome na altura) em 2010 para razões de desenvolvimento... Em que seu último combate antes de ir para a TNA seria contra Hiroshi Tanahashi, onde ele perderia. Após voltar para a NJPW em 2012, Okada venceria Yoshi-Hashi na 6ª edição da Wrestle Kingdom, onde ele logo pedia um combate contra Hiroshi Tanahashi pela IWGP Heavyweight Championship. Podemos observar que Okada voltaria da TNA com sede de vingar sua derrota contra Tanahashi antes de sair da NJPW. O combate chegaria a ser oficializado, onde até ao mesmo Okada revelaria sua entrada na CHAOS! Onde oficializaria Gedo como seu novo Manager. Dia 12 de Fevereiro, Kazuchika Okada venceria Hiroshi Tanahashi pela IWGP Heavyweight Championship no "The New Beggining"! Mas o reino apenas duraria até dia 16 de Junho na "Dominion", onde Tanahashi voltaria a vencer Okada pelo título... Mas isso não significaria o fim! No mesmo ano, Kazuchika Okada venceria a 22ª edição do G1 CLIMAX, tendo sua oportunidade no Main-Event da Wrestle Kingdom 7! E quem seria seu adversário? Mais uma vez, Hiroshi Tanahashi. E, também mais uma vez, Tanahashi venceria com sucesso Okada, assim retendo a IWGP Heavyweight Championship... Mas mais uma vez, Okada não iria desistir tão facilmente! O mesmo vencia Hirooki Goto nas finais da New Japn Cup em 2013, vencendo o torneio e tendo mais uma oportunidade pela IWGP Heavyweight Championship que ainda pertencia a Hiroshi Tanahashi! E finalmente, Okada venceria Tanahashi pelo título no evento "Invasion Attack" dia 7 de Abril. E o resto disso tudo já foi contado acima.

 Com uma rivalidade dessa gravidade, Wrestle Kingdom 10 seria o local oficial onde esses dois iriam definir que seria o Ace da NJPW! E Okada, conseguia ser aquele que oficialmente ocuparia o lugar após vencer Tanahashi e reter a IWGP Heavyweight Championship.

 E depois dessa vitória, Okada mostrou ser uma nova força imparável dentro da NJPW. O mesmo se encontraria no topo, com vários prêmios da Tokyo Sports e afins, segurando o título máximo e uma tremenda vitória em cima de Tanahasi... Até que, Tetsuya Naito, aparece.


 Tetsuya Naito estaria recentemente chegando de seu desenvolvimento dentro da CMLL, voltando a NJPW onde já teria participado do G1 CLIMAX em 2015. Naito não voltaria sozinho. Ele trazia consigo a continuação da stable "Los Ingobernables" vindo da CMLL, extendendo ela para o Japão, assim nascendo a famosa stable "Los Ingobernables Del Jápon".

 Naito tomaria seu lugar como participante da New Japan Cup em 2016, onde ele ganharia o torneio. Com essa vitória, Naito avançaria para sua oportunidade de lutar pela IWGP Heavyweight Championship, onde o atual campeão seria Kazuchika Okada.

 No Invasion Attack de 2016, Tetsuya Naito venceria Kazuchika Okada, e ao mesmo tempo venceria a IWGP Heavyweight Championship. Mas, o mesmo venceria Okada com ajuda de Bushi, Evil e com a volta de Sanada a NJPW.

 Começaria a estrada de vingança para o "Rainmaker", onde o mesmo se vingaria de Sanada após sua interferência que lhe fez perder o título no evento "Wrestling Dontaku" desse mesmo ano. E com isso, Okada conseguia ter seu re-match contra Tetsuya Naito pela IWGP Heavyweight Championship no "Dominion" de 2016, onde Okada venceria Naito com sucesso e pela quarta vez se tornaria IWGP Heavyweight Champion.


 Agora que isso tudo aconteceu, Okada começaria seu lendário reino que ainda hoje permanece.

 Após voltar a ser IWGP Heavyweight Champion e voltar a estar no topo da NJPW, Okada teve seus olhos postos em vencer a 26ª edição do G1 CLIMAX. Algo que por pouco, não conseguiu. Kazuchika Okada empataria contra Hiroshi Tanahashi nas finais do bloco do mesmo, fazendo Hirooki Goto avançar nas finais do G1 CLIMAX enfrentando o líder da Bullet Club, Kenny Omega. Mas, durante essa mesma edição, Okada sofreria uma derrota do lutador da Pro-Wrestling NOAH, Naomichi Marufuji! Com essa vitória em cima de Okada, Marufuji exigeria um combate contra Okada mas desta vez pela IWGP Heavyweight Championship.

 O "Rainmaker" defenderia seu título com sucesso em cima de Naomichi Marufuji no evento "King Of Pro-Wrestling" de 2016, fazendo o combate ser considerado o melhor do ano em nome da Tokyo Sports. Mas, apesar dessa tremenda vitória, podemos dizer que Okada iria encontrar o maior desafio que encontraria no seu reino...


 Nas finais da 26ª edição do G1 CLIMAX, Kenny Omega venceria o parceiro de Kazuchika Okada, membro da CHAOS, Hirooki Goto. Assim sendo, Omega faria história se tornando no primeiro gaijin (estrangeiro não japonês) a vencer o torneio. Logo, com sua vitória do G1 CLIMAX, Omega ganharia sua chance para enfrentar Kazuchika Okada pela IWGP Heavyweight Championship no Main-Event do famoso evento que sempre acontece no dia 4 de Janeiro, Wrestle Kingdom.

 Com as saída de A.J Styles, era preciso que alguém representa-se a Bullet Club, esse seria Kenny Omega. Muita gente duvidaria de Kenny Omega em questão de tomar uma pose de líder da considerada maior stable da NJPW (globalmente, claro). Mas Omega acabaria com essas dúvidas no G1 CLIMAX de 2016, onde venceria. Mas apenas vencer o G1 não era o suficiente para Omega, ele tinha que vencer a IWGP Heavyweight Championship no Main-Event da 11ª edição da Wrestle Kingdom. Se ele fizesse isso, Omega não só se colocaria no topo da NJPW, como também colocaria a Bullet Club no topo da NJPW.

 Infelizmente para Omega, não foi isso que aconteceu. Kazuchika Okada venceria Kenny Omega em o combate mais longo na história da Wrestle Kingdom. Após imensos "Rainmakers" por parte de Okada, ele conseguiria levar a vitória e reter seu título... Mas, algo que podemos levar em noção seria o fato de Kenny Omega nunca ter tido a oportunidade de acertar o seu finisher, o "One Winged Angel"... Logo, uma pergunta ficaria no ar: "Será que o One Winged Angel pode ser a fraqueza de Kazuchika Okada?".

 Sem dúvidas que Omega foi um dos maiores desafios de Kazuchika Okada relativamente ao seu quarto reino como IWGP Heavyweight Champion... Mas mal sabia ele que isso seria apenas o começo.


  Após a 11ª edição da Wrestle Kingdom, Okada encontraria o seu próximo desafiante... Mas mal sabia ele que seu próximo desafiante seria mais do que um homem.

 Teríamos a volta de Minoru Suzuki, trazendo consigo a Suzuki-gun inteira. A Suzuki-gun estaria voltando da Pro-Wrestling NOAH, após os mesmos dominarem a empresa! Minoru Suzuki seguraria a GHC Heavyweight Championship (título principal da NOAH), K.E.S teria um lendário reinado com a GHC Tag Team Championships... Resumidamente, Suzuki-gun rapidamente foi um dos maiores pesadelos da Pro-Wrestling NOAH, até Katsuhiko Nakajima vencer Minoru Suzuki onde, após essa derrota, Minoru Suzuki sairia da NOAH juntamente com a Suzuki-gun.

 Qual era o plano de Minoru e da Suzuki-gun? Igual ao que fizeram a Pro-Wrestling NOAH, dominar a NJPW. Segurar todos os títulos e absolutamente dominar todos os cantos da mesma. E a melhor forma de fazer isso seria vencer a IWGP Heavyweight Championship de Kazuchika Okada. Então, o desafio foi lançado. Minoru Suzuki enfrentaria Kazuchika Okada pela IWGP Heavyweight Championship no evento "The New Beggining" em Saporo.

 Kazuchika Okada conseguia defenderia com sucesso a IWGP Heavyweight Championship, vencendo Minoru Suzuki e impedindo a realização do seu plano para dominar a NJPW por completo. Essa vitória não foi só de Okada, como foi da NJPW em si.

 Após esse combate, todo o mundo começou a pensar: "Okay, então, esse é que foi o maior desafio de Kazuchika Okada certo? Não pode haver mais ninguém que..."


 Quando todos pensaram isso, a New Japan Cup de 2017 chegaria, onde nada mais que "The Wrestler" Katsuyori Shibata venceria Tomohiro Ishii nas finais do torneio, ganhando sua chance pela IWGP Heavyweight Championship no evento "Sakura Genesis".

 Katsuyori Shibata tem uma história muito negra dentro da NJPW. Na altura em que a NJPW se encontraria como a pior empresa do momento, em vez de a ajudar como Shinsuke Nakamura e Hiroshi Tanahashi fizeram, Shibata escolheria o caminho mais fácil, essa sendo sair da NJPW e deixá-la apodrecer. Ele entraria em empresas como a "Big Loud Mouth" e a Pro-Wrestling NOAH. Eventualmente, ele voltaria para a NJPW em 2012, mas nem todos estariam felizes com a volta do mesmo. Uma dessas pessoas seria Hiroshi Tanahashi em si. Pouco a pouco, Shibata começaria a mostrar que estaria mais do que comprometido com a NJPW após lhe abandonar em seus piores momentos. Lutando com Togi Makabe e até contra seu amigo de infância, Hirooki Goto (onde depois formariam uma Tag Team e venceriam as IWGP Tag Team Championships de Doc Gallows e Karl Anderson). Seria somente na 10ª edição da Wrestle Kingdom onde Shibata finalmente venceria seu primeiro título solo na NJPW, essa sendo a NEVER OpenWeight Championship. Isso sendo até perder para Yuji Nagata, onde lendas da NJPW como Satoshi Kojima e Hiroyoshi Tenzan testariam a fidelidade de Shibata com a NJPW. Shibata venceria Yuji Nagata pelo título, e perderia para EVIL. vencendo-a denovo, e perdendo pela última vez para Hirooki Goto na 11ª edição da Wrestle Kingdom.

 Após tudo isso, podemos ver que Shibata seguiu uma longa estrada para recuperar sua honra dentro da NJPW, e agora tudo culminaria na Sakura Genesis, onde Shibata poderia vencer Kazuchika Okada pela IWGP Heavyweight Championship... Algo que ele não conseguiria. Mas algo que ele conseguiu foi ainda mais honra após de tudo que ele fez dentro desse combate, por isso, ele não saiu completamente perdendo.

 Mas algo que esteve perto de se perder, seria sua carreira. O combate foi um tanto quanto brutal, que Shibata ficaria praticamente paraplégico nos primeiros dias ou quem sabe meses. Hoje o mesmo aparenta, felizmente, estar bem... Mas ainda nada pode se dizer sobre o futuro de sua carreira dentro da indústria e dentro da NJPW.

 E, mais uma vez, todos pensavam: "Certo, agora sim, isso foi o maior desafio de Kazuchika Okada em todo o seu reino. É impossível alguém ultrupassar o dano que Shibata causou em Okada, é simplesmente impossí..."


 Nessa mesma altura, Kenny Omega conseguia ter sua segunda chance pela IWGP Heavyweight Championship no Dominion de 2017. Omega enfrentaria Tomohiro Ishii no Wrestling Dontaku de 2017, após perder para o mesmo na primeira ronda da New Japan Cup. Se Kenny Omega vence-se, ele teria sua chance pela IWGP Heavyweight Championship na Dominion contra Kazuchika Okada, ou Bad Luck Fale. Kazuchika Okada, no mesmo evento em que Omega garantiu seu lugar no Main-Event do Dominion, defendia mais uma vez seu título contra Bad Luck Fale... E foi nesse momento que tudo a volta da NJPW congelaria. Kenny Omega e Kazuchika Okada teriam dado o considerado por famoso jornalista, Dave Meltzer, o melhor combate de sempre na 11ª edição da Wrestle Kingdom. E esse mesmo combate seguia sua sequela na Dominion.

 As probabilidades estariam no lado de Omega, mesmo apesar de perder para Okada na Wrestle Kingdom. O motivo para isso seria que Kazuchika Okada estaria fortemente danificado após defender o título em combates brutais contra Marufuji, Minoru Suzuki, Katsuyori Shibata e Kenny Omega no início do ano. Okada foi castigado por completo em todos os combates, logo todos pensavam que Okada não iria aguentar mais e iria ceder... Mas, no final do dia, nenhum dos dois teria cedido.

 A sequela ao melhor combate de sempre acabaria em um empate, após os 60 minutos dados para o combate teriam chegado ao seu limite. Ambos resistiram tudo, algo que foi fácil de prever sendo que ambos estariam determinados a vencer dentro desse combate. Algo que podemos notar seria que Omega finalmente atingia Okada com seu "One Winged Angel"... Mas, por pura sorte, Okada colocaria seu pé em cima da corda, dando um Rope Break. Logo, a questão ficaria: "Será que Okada consegue sair de um pinfall após o One Winged Angel de Kenny Omega?". Mesmo com isso, Okada retinha o seu título mais uma vez contra Kenny Omega.

 Mas houve alguém da Bullet Club que atuou de forma estranha com isso tudo. Esse mesmo membro queria que Omega desistisse de lutar na Dominion, e logo quando teve sua oportunidade desafiaria Okada por um combate pela IWGP Heavyweight Championship... Esse membro da Bullet Club, seria "The American Nightmare", Cody.


 A NJPW estaria pronta para a primeira edição do "G1 Special" no Estados Unidos da América. Onde até aconteceu um torneio pelo novo título, a IWGP US Heavyweight Championship onde Kenny Omega venceria. Na primeira noite desse evento de dois dias, Okada iria então defender seu título contra o pesadelo americano.

 Cody estaria muito perto de fazer história! O mesmo teria recentemente vencido Christopher Daniels para ser tornar ROH World Champion, e se vence-se Kazuchika Okada, ele poderia também levar consigo a prestigiosa IWGP Heavyweight Championship. Cody poderia ser o primeiro homem a segurar os dois títulos principais da ROH e da NJPW.

 Em uma questão de probabilidades, por mais louco que possa soar agora, Cody era aquele que parecia que podia vencer Kazchika Okada. O motivo seria o mesmo do combate de Okada contra Omega na Dominion, o desgasto de Okada. Após de se destruir várias e várias vezes, foi na Dominion que Okada mostrou uma certa fraqueza nunca vista do mesmo. Okada não conseguiu acabar com Kenny Omega na Dominion, onde ele estaria centímetros para simplesmente colocar seu braço em cima do mesmo para então vencer. Okada mostrou que o desgaste desse seu reino era real, e que talvez iria no final ceder para Cody.

 Mas, mais uma vez, Okada ignorou as probabilidades e conseguiu reter a IWGP Heavyweight Championship. Em um combate de muita tensão entre Kenny Omega e Cody, onde Omega estaria a fazer a mesma coisa que Cody fez na Dominion, que seria obrigar Cody a desistir do combate.

 Okada conseguia reter seu título e seu lugar na empresa com grande sucesso... Mas isso não significava que ele ia descansar. O mesmo foi anunciado como participante da 27ª edição do G1 CLIMAX! E seria lá que Okada encontraria seu próximo adversário... EVIL!


 Na 27ª edição do G1 CLIMAX, Evil teria um recorde mediano enquanto que Okada estaria em uma streak de vitórias... Onde a pessoa que acabaria com a streak de vitórias de Okada seria Evil.

 O "King Of Darkness" foi provavelmente o culpado da decaída de Kazuchika Okada no G1. Após lhe causar imenso dano em suas costas (que já estariam um tanto quanto danificadas anteriormente sendo que o G1 tem tendência em realmente causar exaustão em seus participantes) Okada não conseguia ter mais uma vitória dentro do torneio. O mesmo empataria com Minoru Suzuki, e sofreria a maior derrota que poderia sofrer no G1... Essa sendo contra Kenny Omega. Onde nesse combate, Kenny Omega com apenas um "One Winged Angel" venceria o atual IWGP Heavyweight Champion. Mas não podemos culpar Okada por perder em si, sendo que Omega se focou imensamente na zona altamente danificada por Evil. Resumindo, o motivo de Okada não ter vencido seu bloco, e quem sabe, não ter vencido o G1 CLIMAX tem apenas 3 palavras... EVERYTHING... IS... EVIIILL!


 E é isso... O reino de Okada continua. O mesmo passou por tudo isso que você acabou de ler. O mesmo ainda vai defender a IWGP Heavyweight Championship contra Evil Segunda-Feira da próxima semana (9 de Outubro). E talvez esse pode de fato ser a noite onde Okada cede de uma vez, e perde a IWGP Heavyweight Championship.

 Espero que tenha gostado de nossa segunda edição do "Semanal do Oriente"! Caso queira seguir tudo da NJPW em sua língua materna (espero eu que seja essa claro), clique aqui, e deixe seu curtir para acompanhar tudo e mais alguma coisa dessa fantástica empresa!

 Tenha um ótimo dia, voltámos próxima semana! Até lá, tchau.
Semanal do Oriente #2 - A maior tempestade da NJPW Semanal do Oriente #2 - A maior tempestade da NJPW Reviewed by Endoidando on 09:52 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.